5 maneiras inteligentes para usar a Nota do Enem em 2019

Existem 5 boas maneiras de utilizar a nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) a seu favor. E você vai descobrir como e onde usá-la de forma inteligente, para que consiga descontos em faculdades, por exemplo.

Lembrando que o Enem é o exame mais concorrido e com mais adesão de alunos do país, sendo um verdadeiro concurso público para jovens e adolescentes que buscam meios de entrar no ensino superior.

5 maneiras inteligentes para usar a Nota do Enem em 2019 1

1 – SISU

A nota do enem pode ser utilizada para ingressar em uma faculdade pública por meio do Sistema de Seleção Unificada, o SISU.

2 vezes ao ano são abertas vagas e as notas obtidas no Enem são a base para a seleção. Desse modo, as notas de corte dentro do sistema do SISU são ofertadas conforme as vagas.

2 – PROUNI

A segunda maneira é através do PROUNI.

Outra possibilidade acontece pelo programa que chama Universidade para Todos – criado pelo governo federal.

Nele, os estudantes podem usar notas do Enem para conseguir bolsas de estudos, seja bolsa parcial ou bolsa integral, nas universidades privadas.

Ou seja, universidades particulares.

Vale lembrar que esse programa engloba apenas estudantes com renda familiar bruta mensal de até 3 salários mínimos e que não tenha nenhum diploma de nível superior.

3 – Universidades Públicas

Outra maneira de usar a nota do Enem é através do ingresso em instituições públicas, que são as famosas universidades federais ou estaduais, que já utilizam a nota do Enem como processo seletivo.

Ao menos como uma das fases do processo. Porque tem algumas faculdades que usa a nota como uma espécie de 1ªfase, por exemplo.

O fato é que cada instituição possui os seus critérios de participação. E o lado bom disso é que são diversas vagas oferecidas para os estudantes que prestaram o Enem.

4 – Universidades Privadas

A quarta maneira e é através do ingresso em instituições privadas.

Isso porque diversas universidades particulares adotam o Enem como processo seletivo.

Essas instituições também oferecem bolsa de estudo do Enem, no qual os estudantes utilizam a sua nota da última edição do exame para conseguir (por meio de uma pontuação mínima necessária) as bolsas integrais ou parciais.

5 – Complemento

A quinta e última maneira é o complemento através da nota do vestibular.

Algumas instituições de ensino superior do Brasil usam a nota para complementar o próprio vestibular. Então, existe a possibilidade dos estudantes utilizarem a nota do Enem assim também, como um complemento a pontuação de seus próprios processos seletivos.

Nesse caso, os critérios variam conforme cada edital de cada universidade.

Afinal, cada universidade tem o seu critério de avaliação. Por exemplo, tem universidade que faz a prova normal do vestibular, mas não cobra a redação porque vê a redação baseada no Enem e tem outros que faz um jeito diferente.

Mas, você pode se utilizar e aproveitar o Enem, também nesse processo.