Saiba tudo sobre a taxa semestral do Tesouro Direto

Atualmente, as corretoras de investimentos e alguns bancos não tem cobrado a taxa de administração para investimentos no Tesouro Direto. No entanto, o investidor ainda precisa lidar com a taxa de custódia.

Essa taxa tem que ser paga a cada 6 meses e tem um índice fixado pelo Tesouro para todos os investidores. Agora, o valor vai variar para cada investidor porque é cobrado sobre os valores investidos e o tempo de investimento também.

Saiba tudo sobre a taxa semestral do Tesouro Direto 1

Continue lendo e entenda mais sobre isso para não se surpreender com a cobrança que acontece, todos os anos, nos mesmos dias.

A taxa

A taxa semestral do Tesouro Direto, também conhecida como Taxa de Custódia, é um pagamento feito anualmente (mas, dividido em 2 parcelas) que é para a B3, a Bolsa de Valores do Brasil.

A justificativa é que a B3 é responsável por guardar o dinheiro e os títulos. Por isso e para isso, ela cobra essa taxa, que é obrigatória para todos os investidores do Tesouro. Agora, entenda mais sobre a cobrança, o valor e onde ter as informações.

A cobrança

A cobrança semestral da taxa de custódia do Tesouro Direto acontece a cada 6 meses.

E segue uma tabela para isso: sempre no 1º dia de janeiro e no 1º dia de julho de cada ano.

A cobrança é feita de forma dividida, em todos os casos. Agora, vale lembrar que o valor da cobrança é diário, mas o pagamento é semestral.

Assim sendo, o pagamento é feito direta da conta de onde você investiu o dinheiro. O que significa que pode ser do banco ou de uma corretora de valores.

O cuidado se deve ao fato de que, infelizmente, alguns bancos não avisam os seus investidores. E aí, o desconto acaba vindo da conta corrente e, obviamente, quem não tem dinheiro na conta acaba ficando no vermelho – no cheque especial.

Isso não acontece nas corretoras de valores, que sempre avisam seus investidores que precisam transferir recursos nas suas contas para custear a taxa de custódia.

O valor

Como foi dito acima, o valor é variável para cada pessoa e investidor. Isso porque existe uma taxa de 0,25% sobre o investimento, mas cada pessoa tem um investimento, obviamente.

Portanto, o valor é variável. E a taxa é fixa, igual para todo mundo.

O que precisa ser considerado é que existem um valor mínimo para o pagamento da taxa, que é de R$ 10. Assim, se você é um novo investidor do Tesouro pode ser que ainda não tenha que pagar.

Mas, vale lembrar que o valor será somado no próximo pagamento.

As informações

Para você ter informações sobre os valores que você tem que pagar, o ideal é buscar essa informação no seu banco ou na sua corretora de valores.

Quase sempre eles disponibilizam aplicativos e sites com as informações.

Mas, outra forma de fazer isso é indo direto no site do Tesouro Direto.

Se você é investidor já tem um cadastro por lá, daí é só entrar com login e senha e ir até a opção de taxa de administração semestral.