Conheça a técnica dos três passos para superar a ansiedade no trabalho

A ansiedade no trabalho é problema muito comum hoje em dia. Sendo considerada o primeiro passo para a depressão em muitos os casos mundiais e nacionais. Apenas nos Estados Unidos são 40 milhões de adultos que sofrem com o transtorno de ansiedade.

Pensando nisso, estudiosos criaram o que é chamado de técnica dos três passos. É um tipo de exercício que pode e deve ser feito diariamente e, com o hábito, vai se tornar eficiente na solução do transtorno. Trata-se de técnicas pessoais e gratuitas. Confira.

Conheça a técnica dos três passos para superar a ansiedade no trabalho

Aliás, a técnica abaixo só vai funcionar se antes você sair da sua zona de conflito e encontrar um lugar que seja calmo e tranquilo e te permita relaxar. Portanto, pense em uma cadeira confortável e em um ambiente que te permita o relaxamento.

1 – Aprender

O primeiro passo é aprender. E isso quer dizer que após encontrar o seu lugar calmo para relaxar, você tem que olhar, de frente para o seu problema.

Se pergunte sobre o que você está sentindo agora e o que está te deixando ansioso. Descubra de que forma a ansiedade está afetando você.

A ideia de aprender é que você relembre os episódios que teve anteriormente e saber como isso te afetou até agora. Anote os detalhes e inclua também o que você sente fisicamente, além dos fatores mentais e emocionais.

2 – Filosofar

O outro passo é filosofar. Isso mesmo, filosofar. Então, é hora de começar a ver maior, ver grande, ver por fora da caixa. Tenha uma visão geral de tudo que está acontecendo no seu trabalho e com você.

Alguém está influenciando você? Você é ansioso faz tempo? Isso vem de família?

A ideia é a de que você note que isso pode não fazer bem para você e mesmo que seja uma herança familiar ou cultural, você não precisa fazer isso. Pense em como você adquiriu a ansiedade e como pode se livrar dela.

Afinal, se você pude se desfazer disso, você faria?

3 – Agir

Por último, o último passo é justamente agir. Mas, tudo gira em torno do que é possível e do que é provável de ser feito.

Aqui vale a pena se perguntar sobre a probabilidade de tal coisa acontecer. É provável que isso aconteça ou não? Apesar de ser possível, nem sempre vai ser provável e você vai ver que o seu sofrimento muitas vezes é em vão.

Se você está com alguma dúvida vale até mesmo pesquisar sobre as estatísticas. Leia sobre isso. Fale com pessoas. Procure profissionais que conheçam do assunto. Você vai ver que, quase sempre, o risco é muito menor do que você pensava.

O sucesso

Conforme estudos, o sucesso desses três passos partem do momento em que a pessoa considera que tem respostas diferentes para um modelo de negócio antigo, que tinha instaurado na sua cabeça.

A partir disso dá para transformar os padrões de pensamento em algo positivo e produtivo.

Ao invés de sempre pensar “e se”, as pessoas podem pensar algo como “é melhor fazer para saber”. Afinal, possibilidades e probabilidades são bem próximas, mas não a mesma coisa.