Solicite o Seu – Cartão Bolsa Família

Existe um passo a passo muito simples para quem vai solicitar o cartão Bolsa Família. O pedido deve ser feito pelo representante da família que tem direito ao benefício. Dessa forma, solicitar o cartão exige apenas o envio de alguns documentos pessoais e comprobatórios. Descubra como pedir o cartão Bolsa Família.

Mas, o que é o Cartão Bolsa Família? Ele é parecido como os outros cartões magnéticos, sendo que funciona para a realização de várias atividades, como a realização de saques, a consulta de saldo e até o extrato do benefício. Por isso, é extremamente importante que você saiba como solicitar o seu cartão!

Solicite o Seu - Cartão Bolsa Família

Descubra também o que é preciso ser feito para cadastrar a senha nova no cartão e qual o caminho mais simples para solicitar a 2ª via do cartão do Bolsa Família. Lembre-se que ele facilita o pagamento do benefício Bolsa Família.

Bolsa Família – entenda mais sobre o programa

Com certeza todos os brasileiros já ouviram falar do Bolsa Família e como ele auxilia milhares de famílias que vivem em situação de pobreza ou extrema pobreza. No entanto, é preciso compreender mais sobre esta iniciativa tão importante para o nosso país.

Em poucas palavras, através do Bolsa Família, o Governo Federal tem a intenção em distribuir renda para famílias que são desfavorecidas em questões financeiras. No dia 20 de outubro de 2003, ele foi instituído por meio da Medida Provisória nº 132. Foi apenas no dia 9 de janeiro de 2004 que a MP foi convertida em lei.

Vale ressaltar que outros programas de transferência de renda já atuavam anteriormente a essas datas. O que a Lei Federal nº 10.836 fez foi apenas centralizar todos os programas em um só: o Bolsa Família.

No momento, cerca de 14 milhões de famílias são ajudadas com o recurso que é liberada por meio deste benefício concedido pelo Governo Federal. Em média, cada representante das famílias têm acesos a uma quantia de R$ 186,00.

A estimativa é que, em uma perspectiva geral, sejam investidos mais de R$ 2 bilhões por mês neste programa. Então, uma fonte de renda a mais é possibilitada para que as situações de miséria no Brasil sejam cada vez menos frequentes.

Quem pode ter acesso ao recurso?

Possuem o direito de participar deste programa apenas aquelas famílias que, por alguma razão, vivem em situações de pobreza ou pobreza extrema.

Os conjuntos familiares que podem ser caracterizados como pobres são aqueles que têm uma renda mensal que vai de R$ 89,01 a R$ 178 por cada integrante. Enquanto isso, os definidos como extremamente pobres são aqueles que possuem renda de até R$ 89,00 por cada indivíduo da família.

Porém, não é apenas a renda que define a necessidade em participar do Bolsa Família. Um outro pré-requisito é que, as famílias pobres só podem receber o benefício do programa se tiverem filhos de até 17 anos ou se a mãe da casa estiver grávida.

Quem se encaixa dentro dessas características precisa realizar um cadastro em um setor que seja responsável pelo programa no município onde vive. Também é necessário fazer a inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal para que a renda seja liberada. Neste ato, apresente os seus documentos de identificação.

Depois disso, é necessário aguardar um pouco pelo feedback. Todo mês são é feita a seleção das famílias, observando todas as características que falamos aqui anteriormente. Mediante a aprovação, é fornecido o cartão do Bolsa Família para a realização dos saques.

A quantia de R$ 186,00 que mencionamos no tópico anterior representa apenas uma média do que é pago geralmente. Porém, o valor determinado depende de acordo com cada família, pois cada situação é analisada separadamente.

Cartão Bolsa Família – como pedir

Não há mistérios e nem segredos para pedir o cartão Bolsa Família. Isso porque o processo acontece automaticamente quando o solicitante do programa tem o cadastro aprovado pelo Ministério do Desenvolvimento Social.

Assim, depois que fizer o cadastro, a solicitação do cartão é automática e acontece logo em seguida à entrada da família no programa social. O beneficiário tem um prazo médio de 15 dias para receber o cartão no endereço indicado no cadastro inicial.

Agora, uma coisa muito importante é que após ter em mãos o cartão Bolsa Família, o beneficiário vai precisar criar uma senha de acesso para que possa usufruir dos benefícios, como o recebimento do pagamento, por exemplo.

Cadastrar Senha Cartão Bolsa Família

Depois de receber o cartão Bolsa Família, o beneficiário do programa social deve cadastrar a senha de acesso para realizar os saques do beneficio e ter direito a outros serviços, como as consultas de saldos.

Então, por último, seguindo a sequência de pedido, aprovação e recebimento do cartão, considere ligar na central de atendimento do Caixa Cidadão, através do 0800-726-0207 para cadastrar a senha. A ligação é necessária antes mesmo de se deslocar até uma das agências bancárias.

No telefone você vai digitar as informações pessoais, como o seu número do NIS (Número de Identificação Social), a carteira de identidade e também o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física). Vale lembrar que os documentos válidos são do titular do benefício.

Logo depois, é preciso informar a senha que quer cadastrar no cartão Bolsa Família, aguardar o processo se encerrar e, por fim, ir pessoalmente até uma agência da Caixa Econômica Federal ou uma das unidades lotéricas para acessar os serviços do cartão e finalizar a criação da senha.

Solicitar 2ª Cartão Bolsa Família

Hoje em dia, não é possível solicitar o cartão do benefício do programa Bolsa Família pela internet, nem mesmo no aplicativo ou no internet banking da Caixa, que é banco responsável pelo pagamento do Bolsa Família.

Assim sendo, só é possível solicitar o cartão pessoalmente, juntamente com o cadastro no programa Bolsa Família e também no CadÚnico. Sendo que, para solicitar a 2ª via do cartão do Bolsa Família, é preciso ligar no 0800 726 0207 do Caixa Cidadão.

E saiba que o Cartão Bolsa Família é aquele amarelo, mais tradicional. Ele pode ser usado em todas as situações para receber o pagamento do benefício, já que nele mesmo contém o número do NIS.

Por outro lado, existe a possibilidade de usar o Cartão Cidadão, que é para outros benefícios, como Fundo de Garantia e PIS. Entre esses benefícios, ele também pode ser usado para o pagamento do Bolsa Família, já que ele tem o número do NIS disponível.