Como simular as parcelas do financiamento do Renault Kwid no Bradesco

O Kwid é um carro da Renault que surgiu no mercado com grande destaque. O valor do veículo varia de modelo para modelo e, frente aos seus concorrentes, ele é um dos que tem o melhor custo benefício. Além disso, ao simular as parcelas no banco Bradesco é possível ver que o valor mensal fica abaixo dos R$ 650.

O banco Bradesco é um grande banco que torna possível ao seu cliente e a todos os consumidores simular as parcelas e solicitar o financiamento de carros de um jeito muito fácil. Além disso, permite um prazo bem flexível para pagamento, que vai até os 60 meses subsequentes.

Como simular as parcelas do financiamento do Renault Kwid no Bradesco
Foto: (reprodução/internet)

Além do mais, é possível fazer a simulação das parcelas em tempo real, ao passo que o consumidor pode escolher vários modelos do Renault Kwid para simular e saber qual é o que tem o melhor custo benefício para ele.

A seguir, na continuação deste artigo, saiba o que é preciso para solicitar o financiamento do Bradesco e veja também como simular a operação. Preparamos um conteúdo especial para você sair daqui bem informado. Vamos lá?

Por que financiar o Kwid no Bradesco

O principal diferencial do banco Bradesco para quem vai solicitar o financiamento é justamente a oportunidade de simular o valor das parcelas e o prazo de pagamento. No entanto, a grande sacada é que tudo isso pode ser feito sem custos e pela internet, o que auxilia o consumidor a economizar tempo e dinheiro.

Além disso, o banco tem o App Financiamentos, que é exatamente para tratar desse assunto. Neste software é possível encontrar todas as informações que são importantes ao cliente, como as condições de contrato, caraterísticas e tudo o mais que é importante para quem está interessado na negociação.

É possível, por exemplo, fazer a emissão de boletos, liquidar parcelas e analisar o tempo restante para término do contrato. Isso deve ser considerado por quem vai solicitar o financiamento porque facilita todo o processo de pagamento, sem que seja necessário ficar indo até o banco todos os meses para pagar as parcelas.

Simular as parcelas do Kwid

O valor de um Renault Kwid 2019 do modelo Zen parte dos R$ 33 mil. Portanto, no simulador de veículos do Bradesco, o interessado pode optar pelos parcelamentos de 12 a 60 meses. Depois, ele também irá selecionar o valor que pode dar de entrada.

Por exemplo, se o cliente opta pelo pagamento em 60 meses, considerando o Kwid de R$ 33 mil, então, o valor de entrada poderia ficar em R$ 9,9 mil. Esse já é o 1º passo que precisa dar para simular o financiamento do novo carro.

Isso porque o valor de entrada deve ser igual ou superior a 30%, conforme indicação do Bradesco. E então, com todos esses números, descobre-se que o valor da parcela do Kwid ficará em R$ 645 considerando as condições apresentadas na hora de simular o financiamento.

Solicitar o financiamento no Bradesco

Para solicitar o financiamento de veículos no Bradesco, o cliente deve, antes de tudo, simular o valor das parcelas. Todo este procedimento pode ser feito online, no site do banco, sem custos e sem que seja necessário um cadastro.

Considere que simular o financiamento antes de realizar a compra é muito importante porque assim o consumidor terá melhores condições de solicitar o financiamento. Afinal, serão esclarecidas todas as condições de compra e pagamento do veículo.

Documentos necessários para financiamento

Então, para o próximo passo, bastará ir até uma agência e apresentar os documentos oficiais. Mesmo após a simulação e entrega dos documentos, o banco faz uma análise de cadastro e de crédito.

Portanto, somente após isso é possível comprar o carro novo ou usado, se houver a autorização do banco. Para passar por essa etapa é preciso ter mais de 18 anos e um bom score financeiro. Isso acontece pois é preciso verificar se o cliente tem condições de arcar com os custos do financiamento.

Sabendo disso, basta ir até uma agência bancária e, quem for correntista, pode fazer o pedido online, isto é, pelo próprio aplicativo para solicitar o financiamento. Os documentos necessários são: CPF, RG, comprovante de renda e de endereço.

As taxas de juros

As taxas de juros variam no Bradesco conforme a análise de crédito. Mas, se o cliente tem uma boa pontuação, ele consegue a aprovação e uma taxa bem agradável. Caso você já antecipe a checagem e opte por simular o financiamento online, já vai dar para ter ideia dessa taxa.

Um veículo de R$ 30 mil do ano 2018 pode ser parcelado em até 60 pagamentos de R$ 1 mil. No entanto, nesse caso não há cobranças de tarifas, mas o CET mensal fica em 2,88%, isto é, uma taxa de juros efetiva em 2,69 ao mês. O IOF é de R$ 985. Simule sua taxa clicando aqui.

Alguns cuidados necessários com financiamentos

Todo mundo que pensa em fazer o financiamento de um veículo precisa estar atento a algumas coisas. Afinal, este é um compromisso financeiro que exige muito cuidado e responsabilidade.

De modo que o nosso leitor não saia prejudicado no futuro, nós resolvemos pontuar aqui algumas coisas que para você esteja atento. Existem algumas coisas bem específicas que não podem simplesmente passarem despercebidas.

Banco pode confiscar o carro

Por exemplo, recentemente, houve uma alteração de condição nos financiamentos de veículos que diz que a busca e apreensão já pode ser realizada pelo banco a partir de um dia de atraso no pagamento das prestações.

Por esta razão, a primeira dica que queremos dar é: exija uma cópia do contrato assinado. Este é um direito seu e você precisa ter em mãos todos os detalhes que foram embutidos na negociação. Além disso, certifique-se de ler todas informações e verifique se tudo está dentro do que é determinado pela legislação.

Dê uma boa quantia de entrada

As dívidas a longo prazo podem acabar sendo um problema caso não exista organização por parte do financiado. Por isso, tome cuidado com isso também. Se tiver um bom dinheiro para entrada, verifique se a diferença no valor da entrada compensa o investimento.

Caso não compense, deixe o dinheiro aplicado e vá fazendo os pagamentos normalmente. Afinal, uma reserva de dinheiro é importante para qualquer imprevisto que possa vir a acontecer. Mantenha sempre os pagamentos em dia e fuja da inadimplência, ela pode significar juros indesejados.