Saiba como transformar o saque do PIS em rendimentos extras

Dinheiro extra é sempre um assunto muito legal para todo mundo, não é mesmo? E o saque do PIS (Programa de Integração Social) é uma oportunidade de ter esse dinheiro nas mãos. Só que nem sempre a gente usa do jeito certo.

Você sabia que o Abono Salarial do PIS ou do PASEP pode ser usado de forma mais inteligente, ao passo que você pode fazer ele render? Sim, uma boa ideia, para quem está com a vida financeira controlada, é justamente investir o dinheiro. Saiba mais.

Saiba como transformar o saque do PIS em rendimentos extras
Foto: (reprodução/internet)

O pagamento do PIS

Muita gente tem direito ao PIS. O valor cai na conta em determinado mês do ano, que varia conforme o cronograma que é divulgado pela Caixa Econômica Federal.

Lembrando que a Caixa é o banco responsável pelo pagamento do PIS enquanto que o Banco do Brasil é responsável pelo pagamento do PASEP.

Os valores variam de a partir de R$ 84 podendo chegar a até R$ 998, que é o valor integral do salário mínimo vigente no nosso país.

Segundo a Caixa Federal, os benefícios totalizam R$ 16,9 bilhões e foram liberados de forma escalonada para mais de 22 milhões de beneficiários ao longo do ano.

O uso do dinheiro do PIS

Lógico que esse dinheiro já dá para pagar as contas, não é mesmo? Olha que bacana: você pode estar com o benefício na conta e aí, dá para cobrir aquela despesa extra que você tem ou aquela dívida, sabe?

Só que muita gente acaba não usando para pagar as contas, nem as dívidas e sim para gastar mesmo. Elas acham que como o dinheiro está lá, parado, pode ser usado para coisas que não fazem muito sentido.

Mas, essa não é uma ideia inteligente. Então, considere as prioridades: pagar contas, pagar dívidas, comprar itens totalmente necessários para você ou sua família e, se já fez tudo isso, saiba que dá para investir o dinheiro também.

Investindo o dinheiro

Existem várias formas de você investir o dinheiro do PIS. Primeiro, considere o valor que você tem. Depois, saiba para que vai investir: pode ser para juntar para uma viagem, para a sua aposentadoria, para trocar de carro, etc.

Se for algo para o curto prazo, uma ideia simples é deixar na poupança. Mas, atente-se que você não deve retirar de lá se for para usar para algo que não vai representar o seu objetivo.

Agora, se você já tem um valor acumulado pode pensar em outras opções, ainda da renda fixa, como CDBs e fundos, que são aplicações disponíveis em bancos e corretoras de valores. É assim que você transforma o dinheiro do PIS em rendimentos extras.

Consultar o saldo do PIS

Ah, e se você não sabe se tem direito ou se tem recursos disponíveis no PIS, saiba que dá para consultar online.

Isso é possível através do aplicativo de celular chamado Caixa Trabalhador, que é da Caixa mesmo. Por lá, você vai ter que criar um cadastro gratuito e vai poder ver todos os seus benefícios e os recursos disponíveis.

Mas, se não der certo, você também pode obter as informações pelo canal de informações mais tradicional, que é o telefone. Para isso, basta discar no 0800-726-0207. O número também é gratuito.