Programa Progredir: solicitar empréstimo

Os beneficiários do programa social do Bolsa Família podem solicitar empréstimo através do Programa Progredir. A vantagem é que essa linha de crédito tem taxas mais baixas do que as praticadas no mercado financeiro.

Além disso, o pedido do crédito é intermediado pelo Ministério do Desenvolvimento Social, sendo que existem muitos bancos parceiros, tais como a Caixa Econômica Federal, o Banco do Brasil e o Banco do Nordeste, por exemplo.

Programa Progredir: solicitar empréstimo

Outro benefício desse empréstimo Bolsa Família está o fato de que as parcelas nunca são descontadas do benefício, sendo que caberá ao banco e ao consumidor escolherem as melhores formas de pagamento, prazos, taxas e débitos.

Programa Progredir

O Programa Progredir é do governo federal e administrado pelo Ministério do Desenvolvimento Social. Entre suas várias ações está o crédito para empresários e pessoas que queiram abrir o próprio negócio.

O Microcrédito Produtivo do Plano Progredir também é conhecido como empréstimo do Bolsa Família justamente porque ser participante desse programa social é um dos requisitos exigidos para quem vai solicitar o empréstimo.

Também é importante considerar que após solicitar o crédito, o beneficiário não perderá o seu direito e as parcelas do crédito não serão descontadas do benefício, já que isso é totalmente ilegal. A ideia do microcrédito é promover a autonomia dos beneficiários do Bolsa Família.

Solicitar Empréstimo

Na hora de solicitar o empréstimo do Programa Progredir, o benefício do Bolsa Família precisa acessar a plataforma digital do programa e inserir os seus dados pessoais dentro da opção de microcrédito produtivo.

O Ministério ressalta que o crédito é para quem quer iniciar ou para quem já tem um negócio e que esteja no Bolsa Família ativamente. Agora, uma dúvida muito comum é sobre como pedir o crédito nos bancos parceiros.

O Ministério também diz que não existe caminho para pedir o crédito diretamente. Assim, quando for solicitar o empréstimo, faça o cadastro no site do programa e autorize o envio dos seus dados para os bancos parceiros.

É totalmente necessário que o Ministério faça a intermediação entre o pedido de crédito dos interessados e o recebimento do pedido por parte dos bancos. Só depois é que os bancos vão entrar em contato com cada um dos interessados no empréstimo Bolsa Família.

Taxas do Empréstimo

Sobre a questão financeira do empréstimo Bolsa Família, o Ministério Social diz que não interfere diretamente na cobrança por parte dos bancos. Assim, ainda que exista uma convicção das menores taxas, cada banco parceiro é livre para disponibilizar suas taxas.

Apenas para ter uma ideia das taxas que podem ser cobradas, considere que a Caixa Econômica Federal cobra um valor de 3% no seu microcrédito produtivo. Mas, atenção: o valor da taxa também vai depender da análise de crédito do banco.

Outra coisa é importante é sobre o valor do empréstimo no Programa Progredir. O Ministério afirma que cada caso é analisado individualmente, sendo assim uma decisão do banco determinar o valor do empréstimo.

Da redação