Pregorexia – Reconheça os sintomas desse tipo de transtorno que afeta a gravidez

Ter um corpo dentro dos padrões é o desejo de muitas pessoas. Jovens, adultos e idosos restringem a alimentação e treinam várias horas por dia para conseguir um corpo definido, com baixo índice de gordura. Assim também acontece com as ‘’grávidas saradas’’, uma nova moda que surgiu atualmente.

Conhecido como pregorexia, esse é um transtorno alimentar, o qual a gestante se preocupa em manter o corpo que tinha antes da gravidez, além de evitar o ganho de peso. Então, saiba mais sobre o transtorno e reconheça os sintomas da pregorexia na matéria abaixo.

Pregorexia - Reconheça os sintomas desse tipo de transtorno que afeta a gravidez
Fonte: (Reprodução/Internet)

O que é pregorexia?

Assim como a bulimia e anorexia, a pregorexia é um transtorno alimentar que afeta as grávidas. Segundo a nutricionista Kátia Ushiama, essa doença se caracteriza na obsessão por manter aquele corpo que a gestante tinha antes de iniciar o processo de gravidez.

Pregorexia - Reconheça os sintomas desse tipo de transtorno que afeta a gravidez
Fonte: (Reprodução/Internet)

Normalmente, a pregorexia se desenvolve em mulheres que já tinham um histórico alimentar que apresentavam alguma debilidade, como a bulimia, por exemplo. Gestantes com esse transtorno não compreendem que as suas ações prejudicam a saúde da criança. Por isso, esse é um transtorno psicológico.

Vale ressaltar que, não é porque a gestante tenta não ganhar peso nesse processo que ela possui o transtorno. A prática de atividades e uma boa alimentação são imprescindíveis para o bebê nascer saudável e forte.

Sintomas do transtorno

De maneira geral, os sintomas se relacionam com o desequilíbrio entre os exercícios físicos e a alimentação balanceada. As consequências são bastante graves, devido a mulher ser o suporte nutricional do bebê.

Pregorexia - Reconheça os sintomas desse tipo de transtorno que afeta a gravidez
Fonte: (Reprodução/Internet)

É normal que a própria grávida não perceba que isso esteja acontecendo com ela mesmo e os sintomas da pregorexia sejam notados por pessoas próximas. Por isso, para entender e saber mais sobre indícios do transtorno, é importante estar atento a comportamentos, como:

  1. Obsessão pela corpo físico, pois a gestante não fica feliz quando identifica mudanças em seu corpo;
  2. Compulsão alimentar;
  3. Purgação (muitas das vezes por vômito);
  4. Medo excessivo de engordar;
  5. Controle sobre a sua alimentação.

É importante destacar que a falta de alguns nutrientes para a criança afeta em seu desenvolvimento fetal, além de agravar a visão corpórea e gerar uma desnutrição geral. Por isso, recomenda-se buscar um médico caso esteja, ou conheça alguém, passando por isso.

Como a pregorexia afeta o bebê e a mãe? 

‘‘A condição gera dificuldade de oxigenação nos tecidos e pode afetar o desenvolvimento do feto’’, relata Kátia. A nutricionista explica que a má alimentação pode ocasionar em um quadro de anemia na gestante, reduzindo o ferro no organismo e acarretando em problemas ao bebê.

Pregorexia - Reconheça os sintomas desse tipo de transtorno que afeta a gravidez
Fonte: (Reprodução/Internet)

 

Algumas complicações podem acontecer com a criança, além das citadas acima. Há prejuízos tanto físicos, quanto emocionais. Confira abaixo como a pregorexia afeta o bebê e pode fazer mal à ele:

  • Prematuridade;
  • Baixo peso ao nascer, devido a má nutrição;
  • Déficit de crescimento;
  • Desenvolvimento cognitivo prejudicado no futuro.

É normal que nesses casos, esse tipo de doença apresenta um risco elevado de mortalidade materna, maior chance do parto ser realizado por cesárea e diversos contratempos no nascimento da criança.

Tratamento da pregorexia

O tratamento está relacionado à alteração da visão do corpo. Como mencionado acima, a gestante não se sente confortável com o seu peso, mesmo sabendo que ele será temporário e que toda a mudança gerada é necessária para o desenvolvimento adequado do bebê. 

Pregorexia - Reconheça os sintomas desse tipo de transtorno que afeta a gravidez
Fonte: (Reprodução/Internet)

Nestes casos, não é recomendável utilizar medicações, mas sim, buscar uma psicoterapia associada em terapia cognitivo comportamental. Ou também, é indicado ir em um psicólogo e em um nutricionista. 

Indo em dois profissionais de áreas diferentes, um trabalho de compreensão é realizado com a gestante,  assim, a paciente tende a entender que o aumento de peso nesse período é natural, preciso e passageiro. 

Peso ideal na gravidez

O peso ideal é medido conforme o Índice de Massa Corporal (IMC) antes da gravidez. Gestantes que possuem o peso adequado engordam de 11 a 16 kg geralmente. Já mulheres que apresentavam sobrepeso antes da gravidez podem engordar de 5 a 9 kg.

Pregorexia - Reconheça os sintomas desse tipo de transtorno que afeta a gravidez
Fonte: (Reprodução/Brasil.babycenter.com)

Ressalta-se que, a maioria das gestantes conseguem ter de volta o seu corpo anterior de maneira tranquila. Por isso, o medo de engordar não deve interferir na saúde da mamãe e nem do bebê. 

Para estar dentro dos valores de peso ideais na gravidez, é preciso seguir uma rotina saudável de alimentação, ingerindo diversos nutrientes e praticar alguns exercícios físicos durante o período. 

Leia também: Conheça os alimentos essenciais durante a gravidez.