Os maiores desafios da maternidade

A maternidade é um dos momentos mais importantes e marcantes da vida de uma mulher. Desde o momento em que se descobre uma gravidez, tudo muda. Os cuidados, as prioridades e objetivos passam a ser pensados para o bem-estar do filho que está a caminho. 

Faltam palavras para descrever o amor que uma mãe passa a sentir a partir do momento que está ciente da existência do seu bebê. Mas, este momento mágico também está cercado por dificuldades, principalmente para as mães de primeira viagem, que lidam com o desconhecido. 

Os maiores desafios da maternidade
Fonte: (Reprodução/Internet)

O estigma de mãe perfeita

Estamos vivendo em um mundo em que as redes sociais são um dos principais locais de busca e referência. Mas, normalmente, essas plataformas entregam estigmas de pessoas perfeitas, vidas perfeitas, e claro, mães perfeitas. São tantas complexidades e exigências que muitas mães se sentem inseguras sobre seu potencial. 

Os maiores desafios da maternidade
Fonte: (Reprodução/Internet)

Muitos costumam afirmar que quando nasce um filho, também há o nascimento de uma mãe. E, assim como um bebê, cada mãe vem ao mundo no seu tempo e no momento em que deve vir. Nem sempre aquela explosão de amor e felicidade vem ao primeiro contato com o filho, e com isso nasce a culpa, caminhando ao lado da mãe. 

A dor de um parto é indescritível, e esse é o processo de dor de uma despedida e de uma chegada. Nenhum recomeço é fácil e não seria assim com uma gravidez. É importante desmistificar a maternidade idealizada, pois assim como em qualquer recomeço, neste também há dificuldades. 

Principais desafios da maternidade

Quando pensamos em desafios da maternidade é comum associarmos apenas aos primeiros meses de vida do bebê, ou até mesmo aos primeiros anos. Mas, engana-se quem pensa que só existem dificuldades nestes momentos. 

Os maiores desafios da maternidade
Fonte: (Reprodução/Internet)

Para cada fase de criação de um filho, há o seu recomeço e suas dúvidas, principalmente para mães que precisam conciliar a maternidade com outros pontos da vida pessoal. O mercado de trabalho se torna mais complicado e os estudos também, exigindo que mães realizem multitarefas

Maternidade e mercado de trabalho

O mercado de trabalho ainda é um ambiente traiçoeiro para mulheres, principalmente para as mães, ou para as que planejam ser mães. Conciliar a maternidade com o trabalho não é uma tarefa fácil, afinal, é necessário dispor tempo e paciência para ambas as tarefas. 

Maternidade e estudos

Para as mães que ainda não concluíram os estudos ou que buscam reiniciar a vida acadêmica, a missão também não é fácil. Assim como no caso do trabalho, conciliar a rotina da maternidade com a rotina de estudos não é uma tarefa simples. Por este motivo, muitas acabam abandonando os estudos. 

Maternidade e cuidados com a alimentação

A rotina de uma mãe é sempre corrida, os cuidados com os filhos são intensos, principalmente nos primeiros anos de vida da criança. Em meio a este turbilhão de coisas e tarefas relacionadas ao bem-estar do filho, muitas mães acabam deixando de lado suas necessidades pessoais, deixando até de se alimentar da forma correta

Maternidade e a relações amorosas

Não é novidade que milhões de mulheres em todo o país são mães solteiras e realizam o dobro de trabalho para criar e dar os devidos cuidados para seus filhos. Tamanha cobrança acaba fazendo com que mães se distanciem de alguns prazeres da vida pessoal, evitando até mesmo conhecer outras pessoas

Maternidade e a vida sexual

Para além da dificuldade de mães solteiras encontrarem novos parceiros (as) para compartilhar as alegrias de uma vida em casal, esta é uma dificuldade que também atinge mães casadas. Com os filhos e as exigências alguns casais acabam sentindo dificuldades em manter o ritmo sexual. 

Vídeo: aceite ser um pai ou mãe “suficientemente bom”

É difícil citar todas as dificuldades que uma mãe enfrenta após o nascimento de um filho. Serão sempre novos desafios conforme a criança for se desenvolvendo, e nenhuma fase será simples. A adolescência é uma questão, a infância é outra e assim serão o resto dos anos. Mas, não há nada mais gratificante, como muitas mães afirmam.

Não há fórmula secreta para criar um ser humano com bons valores e boa educação. Mesmo assim, apenas o processo de gerar uma vida já, seja ela de forma biológica ou de coração, é prova suficiente do que as mães são capazes de fazer. Uma força e um amor indescritível que compensa cada dificuldade.