5 passos incríveis para ganhar dinheiro extra vendendo marmitas fitness

O assunto agora é para quem gosta de uma vida fitness e quer ganhar um dinheiro com isso. Aliás, você também vai precisar gostar da culinária brasileira e dos assuntos relacionados aos alimentos.

Portanto, o assunto é sobre comida e dinheiro. Quer coisa melhor do que isso? Agora, será que dá mesmo para ganhar dinheiro extra vendendo comida saudável? Opa! E vamos mostrar como!

5 passos incríveis para ganhar dinheiro extra vendendo marmitas fitness 1

Os dados comprovam!

Em 2018, o Brasil se tornou o 2º maior mercado do mundo em academia e vida fitness.

Então, muita gente querendo comer saudável, muita quer ter uma vida fitness, muita gente querendo vestir o manequim número 36 e muita gente mudando de vida mesmo!

É muita gente consumindo mercado fitness.

Portanto, você não precisa só ir na academia e surfar essa onda do zero farinha. Também dá para ganhar uma renda extra com tudo isso.

Como? Vendendo marmitas fitness.

Não sabe exatamente como fazer isso ou por onde começar? Temos os 5 primeiros passos!

1 – Defina um público alvo

Não vai achando que o seu público já está definido. Quanto mais exato você for, melhor.

Os principais consumidores deste segmento são vegetarianos, veganos e low carb. Você deve escolher um deles.

Ou seja, cada um tem a sua necessidade. Portanto, dependendo disso você pode gastar um pouco mais ou gastar um pouco menos na hora de investir.

Veja o quanto você pode investir e escolha o público ideal para o seu bolso.

2 Tenha uma variedade de cardápio

Geralmente, o público que consome essas marmitas compram em grande quantidade e deixam congelados para o mês inteiro.

Agora, você ia aguentar passar os 30 dias comendo só frango, cenoura e brócolis. Além do ovo?

Então, é nessa hora que você tem que usar a criatividade para criar um cardápio cheio de novidades.

E ficar na frente da concorrência para vender as suas marmitas.

3 – Escolha as embalagens

A grande ideia sua na hora de vender marmita fitness pode estar nos diferenciais. Um deles é o cardápio, como falamos acima. Outro pode ser a embalagem.

É que se acaba gastando um pouquinho mais para produzir produtos diferentes. Mas, isso pode valer a pena para você.

Afinal, as porções são contadas já que é fitness, assim ninguém engorda. E dá para ter várias embalagens. Ou seja, não precisa comprar uma embalagem gigante que custa mais caro para colocar 250 gramas de comida.

Além de você pagar mais a toa, nem vai ficar representável.

Tenha tipos de embalagens que sejam econômicas, mas que também sejam bonitas, versáteis, ecológicas e práticas!

4Tenha o serviço de Delivery

Você é quem decide: se você prefere fazer um delivery até o seu cliente ou você prefere que ele vá até a sua casa.

Lembrando que se você for até o seu cliente, você vai ter um custo adicional da gasolina. Mas, poderá facilitar a vida dele.

Agora se o cliente for até você não tem custo nenhum, mas pode ser que ele não tenha tempo de fazer isso – e aí você perde a venda.

5 – Atente-se ao fato de ser dinheiro extra

Não se esqueça de que isso é uma forma de ganhar uma renda extra.

Não dá para jogar tudo para o alto para vender uma marmita fitness.

Tem que estudar antes, tem que testar para ver se vai atingir resultados e, principalmente, equilibrar as contas do trabalho com as contas de casa.

Uma coisa é uma coisa e outra é outra coisa.