Como fica o empréstimo consignado com as novas regras do INSS?

Começou a valer as novas regras do INSS para empréstimos consignados de aposentados e pensionistas.

Para quem não sabe, o INSS é o Instituto Nacional do Seguro Social, responsável por pagar aposentados e pensionistas, com as previdências que são de direito.

Como fica o empréstimo consignado com as novas regras do INSS?

Normas rígidas!

Agora as normas essão mais rígidas e os novos beneficiários vão ter que esperar 3 meses para poder pegar um empréstimo com desconto em folha de pagamento.

E, além de tudo isso, as instituições financeiras ou bancos ficam proibidas de procurar os novos beneficiários ou ficar fazendo chamadas de telemarketing para poder oferecer o empréstimo consignado.

E isso fica proibido, pelo prazo de 180 dias ou seja 6 meses, após recebimento do benefício!

Toda mudança aconteceu de acordo com o INSS e tem o intuito de combater as fraudes e também evitar que os bancos comerciais e as operadoras de telemarketing atrapalhem a tomada de decisão dos beneficiários.

E quem quiser o crédito?

O pessoal o segurado que tiver interesse e em um crédito com desconto em folha vai precisar fazer uma pré autorização para poder conseguir o seu dinheiro.

O motivo é que muitas vezes o crédito consignado é concedido sem autorização do segurado. E por mais incrível que pareça, isso realmente acontece: você nem pede o crédito e de repente ele é oferecido para você!

Nessas situações inconvenientes, o empréstimo consignado entra na sua conta e depois vêm as cobranças – somadas à juros absurdos!

Agora, ao que tudo indica, isso vai acabar.

Comprometimento com as parcelas!

Outra novidade é que o aposentado ou pensionista não pode comprometer mais de 35% da sua renda com o valor das parcelas do empréstimo.

E caso você queira fazer uma pré autorização, você tem que procurar a instituição financeira que vai disponibilizar um canal eletrônico para que o próprio aposentado ou pensionista disponibilize os dados necessários para isso.

Em resumo, você vai ter que, realmente, buscar o empréstimo se quiser adquiri-lo.

As fraudes

O INSS está fazendo muitos alertas para os aposentados e pensionistas não caírem em fraudes, especialmente aqueles que recebem valores do INSS.

Então, é obrigatório que o contrato seja assinado pela própria pessoa.

O empréstimo consignado de nenhuma maneira pode ser concedido por telefone, sem o comparecimento do segurado ao banco ou financeira como acontecia antes. Tá bom?

De acordo o INSS, essas mudanças foram feitas para poder combater as fraudes e evitar o assédio dos bancos comerciais, das financeiras e das empresas de crédito em cima dos beneficiários.

Ao mesmo tempo, isso também calha com a ideia de evitar a chateação por parte do telemarketing, que oferecem crédito, lançam na conta do aposentado e depois cobram valores absurdos!